Tags : Maternidade real

Ser mãe

Eu me chamo mãe

Há muita, mas muita mesmo, confusão sobre o termo “mãe” na nossa sociedade. Afinal, quem seria a mãe? O que ela faz? O que a caracteriza? Seria gestar? Mas e as mães adotivas? Seria parir? E as mães de aluguel? Seria então amamentar? E as inúmeras mulheres que não amamentam? Mãe é quem cuida? E […]Leia mais

Criar filhos

Ensino remoto em tempos de quarentena: o retrato da nosso

Abril de 2020, em pouco cumpriremos cerca de um mês de isolamento social por conta da pandemia causada pelo vírus COVID-19. Todos os estudantes foram liberados das aulas e boa parte dos trabalhadores que tiveram essa possibilidade estão em home-office. Ou desempregados. E muitas famílias agora estão tendo que lidar com a demanda de manter […]Leia mais

Ser mãe

Eu amo meu filho e amo ser mãe, mas odeio

Tem uma coisa que há muito tempo me incomoda sobre o discurso da “maternidade real”, movimento childfree e mesmo a militância contra maternidade compulsória que é a dificuldade que encontramos em nomear o verdadeiro vilão de toda a devastação que a maternidade representa: o sistema de dominação masculina sobre as mulheres, também conhecido como patriarcado. […]Leia mais

Ser mãe

10 coisas que realmente ninguém diz sobre a maternidade

1. Não existe nenhuma maneira 100% segura de evitar gravidez É exatamente isso. Não existe nenhuma maneira completamente efetiva para se evitar uma gravidez. Pílulas, camisinhas, DIU, Diafragma, mesmo vasectomia e laqueadura não oferecem 100% de garantia. Sua melhor opção é SEMPRE utilizar métodos combinados (camisinha + alguma coisa). Portanto não existe muito escolha na maternidade […]Leia mais

Ser mãe

Suportando a noite

A noite talvez seja o período mais solitário para a mãe. Quando a casa inteira dorme e só ela vaga, olhando se os filhos estão bem, se as portas estão trancadas, luzes apagadas. Nessa hora ela pensa na vida, cobre o filho. Amamenta ou prepara a mamadeira. O filho chora e ela se sente tão […]Leia mais

Ser mãe

Da mãe que queremos ser

Toda mulher-mãe em algum momento (ou quase sempre) já se sentiu incompetente enquanto mãe. Perceba o peso dessa palavra: “incompetência”. Não ter competência de. Não ser capaz de. Toda mãe em algum momento (ou quase sempre) já se sentiu incapaz. Será que estamos olhando pro que fazemos ou pro que acreditamos que deveríamos ser feito? […]Leia mais

Ser mãe

Da tal “terceirização da maternidade”

Circulou por aí o link de uma reportagem sobre uma creche que atende crianças 12 horas por dia e oferece serviços como lavanderia de uniforme e fornecimento de papinha congelada para que a mãe não precise cozinhar no final de semana.Escola oferece serviço de ‘faz-tudo’ para pais em São PauloFelipe Rau/Estadão Conteúdo ‘Nunca precisei fazer […]Leia mais

Ser mãe

Mãe de pet também é mãe?

Mãe de pet também é mãe? Em todo Dia das Mães ressurge a polêmica sobre as tutoras que intitulam-se mães dos seus animais de estimação versus os exaustivos argumentos de mulheres-mães que se se sentem incomodadas e até ofendidas com esse título. De tudo que sempre é dito, sempre me resta a mesma reflexão: o […]Leia mais

Ser mãe

Da parte boa de ser mãe

Meus textos sobre maternagem, quase sempre, tem um tom profundamente político. Porque maternidade tem que ser problematizada, politizada, tem que virar pauta, tem que colocar suas demandas em primeiro plano na nossa sociedade, por tantos motivos já exaustivamente falados por aí. Mas não é sobre isso que queria falar agora. Eu quero falar com tantas […]Leia mais